Por G1 

corpo do ex-piloto de Stock Car Tuka Rocha, um dos mortos após a queda de um jato executivo em Maraú, no baixo sul da Bahia, foi transferido de Salvador para São Paulo, na noite desta segunda-feira (18). A informação foi confirmada pela assessoria do ex-atleta.

Reprodução / redes sociais



Famosos e amigos lamentam mortes de Tuka e de outras vítimas de queda de avião na BA
O avião pegou fogo após cair. Tuka teve 80% do corpo queimado. Inicialmente, ele foi levado para o Hospital Municipal de Salvador. Na sexta-feira (15), o ex-piloto foi transferido para o Hospital Geral do Estado (HGE).

A unidade é especializada no tratamento de queimaduras. A morte de Tuka foi confirmada na manhã de domingo (17) pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). O corpo do ex-piloto foi liberado do Departamento de Polícia Técnica (DPT) da capital baiana na tarde de domingo.

Segundo informações da assessoria de comunicação de Tuka, o velório e o enterro da vítima estão previstos para ocorrer na manhã de terça-feira (19), no cemitério do Morumbi, em São Paulo.

Tuka foi a terceira morte confirmada após o acidente, que ocorreu na quinta-feira (14). Outras sete pessoas continuam internadas.

Em 2011, Tuka já tinha escapado de um grave acidente, quando o carro que ele pilotava em uma competição pegou fogo, no Rio de Janeiro. Ele conseguiu se jogar do veículo.

Post a Comment

Adicione sua mensagem a todos os comentários aqui!