Tiros, operações em áreas conflagradas do Rio, tensão, comunicação por rádio e aquele profuso léxico de gírias cariocas tanto da bandidagem quanto da polícia estão entre os ingredientes que compõem a atmosfera de “Arcanjo renegado” (Globoplay/Multishow). A primeira temporada da série — dez episódios — chegou ao streaming e eletriza como muitos de seus melhores congêneres. (Patricia Kogut - O Globo) 


Num conflito onde só há perdedores, Mikhael (Marcelo Mello Jr.) é sargento comandante do BOPE, sempre em missões perigosas no Rio de Janeiro. Só que, depois de se envolver em uma polêmica operação que culminou em chacina, ele é transferido para uma unidade policial no interior do estado.

Sob a direção de Heitor Dhalia (O Cheiro do Ralo, Serra Pelada), o elenco da série criada por José Júnior — que mistura drama e ação — conta com participações de Érika Januza, Leonardo Brício, Dani Suzuki, Alamo Facó, Rita Guedes e Flávio Bauraqui.

Co-produção do Globoplay e do Multishow com a AfroReggae Audiovisual, Arcanjo Renegado já está disponível no Globoplay.

Arcanjo Renegado

Ficha técnica
Gênero: Ação, Drama, Policial
País: Brasil
16  Conteúdo Sexual, Drogas, Linguagem Imprópria, Violência

Sinopse
Mikhael é o líder da principal equipe do BOPE. Quando um dos seus amigos é ferido em uma operação, ele busca vingança e acaba em conflito com a alta cúpula política do estado.


Post a Comment

Adicione sua mensagem a todos os comentários aqui!